Livro: You Belong Here

Várias vezes eu falei em nossas redes sociais e cheguei a mostrar bastante também esse livro ilustrado, You Belong Here, escrito por M.H. Clark e ilustrado por Isabelle Arsenault. Ele é um livro infantil, em inglês e o que me motivou a comprar foram as ilustrações, que para mim, são uma inspiração e referencia de estilo de pintura, traço, é algo simples, mas com uma beleza indescritível.

Ele é um livro com capa dura, com textura e profundidade no título, sua lombada é em tecido preto e a contra capa possui uma das frases mais lindas que já vi!

“You are a dream that the world once dreamt

and now you are part of its song.

That’s why you are here, in the place where you’re meant,

for this is right where you belong.”

Traduzindo, ela diz que você é o sonho que um dia o mundo sonhou e que agora faz parte dessa canção, é por isso que você está aqui, no lugar que deveria estar, por isso você pertence ao lugar certo. Essa frase de certa forma resume o livro, ele é todo escrito como um poema, mostrando com suas lindas ilustrações, em um estilo suave de aquarela e com cores mais apagadas, que cada ser do mundo pertence ao lugar que deveria pertencer.

As baleias e os peixes pertence ao mar, os passarinhos pertencem ao ninho que eles mesmos construíram para ficar seguros e quentes. Cada criatura pertence a um lugar, terra, ar, mar e elas estão em casa porque estão no lugar certo que elas pertencem.

You Belong Here trás uma mensagem de amor, um encorajamento de que nós estamos no lugar certo e que fazemos parte do mundo, não importa onde estamos, se em uma viagem, em outro país, nos sempre vamos estar no lugar certo. É um livro infantil e que eu super recomento para as mamães, pois é um poema leve, motivador e suas ilustrações são tão delicadas e lindas.

Eu não sou mãe, mas como eu disse lá no começo, esse livro ilustrado é uma fonte de inspiração para mim como artista, então se você também desenha ou pinta é legal conferir o estilo da ilustradora Isabelle Arsenault, que é reconhecida mundialmente por suas obras em livros infantis. O livro pode ser encontrado na Amazon BR ou em outras livrarias que trabalham com encomendas de livros estrangeiros.

0

Livro: Other Wordly

Já falei por aqui no blog e também no Youtube que estou investindo em livros que são inspiração para mim, o que significa que quanto mais ilustração melhor! Então me deparei com Other Wordly, que além de trazer ilustrações muito lindas ele é um dicionário de palavras ao redor do mundo, que aparentemente são um pouco estranhas mas que tem um significado lindo.

Other Wordly é um livro em inglês, escrito por Yee-Lum Mak e ilustrado por Kelsey Garrity-Riley, editora Chronicle Books. O livro é classificado como infantil, acho que todos os livros ilustrados e nesse estilo são considerados infantil, o que eu acho que poderia ser revisto essa classificação, pois vejo muitos adultos que tem interesse nesse estilo.

O que mais amei nele é que a primeira palavra que aparece para começar o livro é SAUDADE, que significa uma lembrança boa de algo que te faz falta, eu confesso que nunca tinha pensado que ela era uma palavra difícil de traduzir, pois existem palavras em outras línguas similares, mas nenhuma com a tradução exata.

Como o livro é repleto de palavras e seus significados, eu escolhi algumas para compartilhar com vocês. Uma das que eu me identifiquei e é completamente nova no meu vocabulário é TSUNDOKU, substantivo em Japonês, significa quando você compra livros mas não lê, deixa-os empilhados em algum lugar no chão ou em estantes, e eu faço muito isso, pois tenho vários livros na “fila de leitura” então deixo eles organizados e até como algo de decoração até chegar a vez deles.

SMULTRONSTÄLLE, substantivo em Sueco, literalmente é um “lugar de morangos silvestres”; um lugar especial voltado para o consolo e relaxamento, um refúgio pessoal livre de estresse ou tristezas, queria muito um lugar assim para desconectar do mundo. L’APPEL DU VIDE, substantivo em Francês, literalmente é “o chamado no vazio”; uma imagem inexplicável do perigoso e da incerteza do futuro, o desejo de se jogar em uma aventura, experiência ou ideia ainda não explorada, já senti isso várias vezes e a ilustração do livro representa bem esse sentimento.

ERLEBNISSE, substantivo em Alemão, é uma experiência, positiva ou negativa, que nós sentimos mais profundamente e através do que realmente vivemos, não apenas experiência, mas a Experiência. A última palavra que escolhi para mostrar aqui e que também é uma das últimas do livro, CAFUNÉ, substantivo em Português Brasil, passar seus dedos entre o cabelo de alguém que você ama.

Acho que Other Wordly foi o livro mais amor que comprei, não é apenas um dicionário, são palavras diferentes mas que trazem uma mensagem de amor, alegria, sentimentos e cada ilustração representa de alguma forma essas palavras, deixando o livro ainda mais especial.

Apesar do livro ser em inglês é bem fácil de ler e ele vende na Amazon do Brasil, então vou deixar o link aqui para quem se interessar em comprar esse pedacinho de amor!

 

0

Livro: Outros Jeitos de Usar a Boca

Sou amante dos livros de ficção, fantasia e terror. Sempre me joguei nesses gêneros e, até pouco tempo, não pensava em ler outras coisas, principalmente por estar (ainda estou) com uma lista longa de títulos pra ler aqui em casa. Isso mudou assim que vi e ouvi muitas pessoas comentando sobre um dos livros mais badalados de 2017 e que ficou no 1º lugar na lista dos mais vendidos do The New York Times, o Milk and Honey que, no Brasil, recebeu pela editora Planeta o nome de Outros Jeitos de Usar a Boca, o que gerou reações adversas por aqui, de pessoas que se deixam levar pelas palavras antes mesmo de saber o seu conteúdo, enfim…

Rupi Kaur

Outros Jeitos de Usar a Boca é um livro super sensível, escrito por Rupi Kaur e quero falar um pouquinho sobre ela antes de seguir com a resenha da publicação. A Rupi é uma jovem feminista de 22 anos, artista e poetisa contemporânea, que nasceu na Índia, mas vive no Canadá desde os 5 anos. Ela escreve de uma forma extremamente tocante e intensa, que nos faz usar os sentidos ao ler os seus poemas. Rupi se tornou muito conhecida no universo online, por quebrar tabus e empoderar as mulheres de diversas formas, tomadas como polêmicas pela sociedade e que tiveram forte repercussão, principalmente nas redes sociais. Em 2014, Rupi publicou o seu primeiro livro, Milk and Honey e passou a inspirar um numero ainda mais de pessoas.

Outros Jeitos de Usar a Boca

Como eu comentei ali em cima, o livro é muito sensível e tocante e a autora usa uma linguagem bastante delicada e ao mesmo tempo intensa para falar sobre sobrevivência, as dores da vida, amor, sexo, feminilidade, perda, trauma, abuso e cura. Ele é dividido em quatro partes: a dor, o amor, a ruptura e a cura, que mostram um pouco sobre os sentimentos e momentos que muitas mulheres acabam passando ao longo da vida, o que acabou fazendo com que eu me identificasse com muitos dos poemas.

Os poemas foram criados a partir de relatos que Rupi passou a receber de seus leitores, o que torna tudo mais interessante e quase tangível, porque foram realmente baseados em experiências reais de traição, maus tratos, hostilidade, auto estima e outras formas de relações e vivências reais.

A leitura é bonita, apesar de tratar de temas dolorosos e delicados. A emoção e os sentimentos acabam entrando em primeiro plano e o livro todo é reflexivo. E eu pude sentir esse mix de emoções enquanto lia e também a intensidade empregada em cada um dos poemas. Na primeira parte, me emocionei muito e ela me fez pensar em mim e em várias pessoas que conheço, por retratar relações familiares, auto estima, escolhas erradas, insegurança e outros temas dolorosos. Na segunda, consegui ver ainda mais de perto, que existem diversas formas de amar e diversos amores e amei, junto com a escritora, em cada um dos poemas. Na terceira parte, fiquei com a sensação de que precisava entrar nas páginas do livro e ajudar àquelas pessoas que estavam vivendo momentos cheios de mágoas. Na quarta e última parte, o que eu senti pode soar um pouco clichê, mas vi que tudo pode ter uma reviravolta e que as dores podem ter cura e, muitas vezes, ela está dentro de nós.

As ilustrações também são da Rupi Kaur e têm um toque todo pessoal. Elas complementam o livro e nos levam exatamente ao mundo e ao momento nos quais os poemas querem que estejamos.

Minha experiência com essa leitura foi maravilhosa, primeiro por me fazer voltar a ler poemas, coisa que não fazia desde a adolescência, segundo, porque me senti uma mulher mais real, mais viva, mais confiante e mais mulher do que nunca e terceiro e muito importante, me vi realmente empoderada e não só pelo empoderamento estar em alta (tks God que está!), mas porque senti que o livro trouxe inspirações novas pra minha vida e passei a pensar nas mulheres que podem ter vivido algumas experiências dolorosas, mas que foram forte o bastante para encontrar a cura.

Percebi o quanto é importante se conhecer, conhecer suas escolhas e se sentir bem consigo, mas também fazer mudanças que ajudem nessa melhoria. Recomendo a leitura para todo mundo, independente do gênero, mesmo que o foco esteja nas mulheres, pois as palavras são marcantes e cheias de significado. Além de tudo é uma leitura super rapidinha, dá pra ler em um dia!

Termino o post deixando um dos poemas mais marcantes pra deixarem vocês com um gostinho de quero mais:

“você me diz para ficar quieta porque
minhas opiniões me deixam menos bonita
mas não fui feita com um incêndio na barriga
para que pudessem me apagar
não fui feita com leveza na língua
para que fosse fácil de engolir
fui feita pesada, metade lâmina metade seda
difícil de esquecer e não tão fácil
de entender”

Outros Jeitos de Usar a Boca
208 págs.
Poemas
Editora: Planeta
Escritora: Rupi Kaur
Tradução: Ana Guadalupe
5ª edição
Comprar: AmazonLivraria CulturaSaraiva 

 

0

Livro: A Garota no Trem

Recentemente terminei de ler o livro “A Garota no Trem” da escritora Paula Hawkins, editora Record, e posso dizer que foi uma das melhores leituras para mim. É um suspense sobre uma garota que presencia o desaparecimento de uma pessoa e ela é a única capaz de desvendar esse mistério.

Paula Hawkins escreveu esse suspense com uma narrativa inteligente e envolvente, os capítulos são divididos entre as três personagens envolvidas na trama, Rachel, Megan e Anna, cada uma contando a visão de uma mesma cena, mas com os olhares diferentes. Dentro dos capítulos a narrativa é dividida em dias, nos períodos da manhã  e noite, o que deixa a leitura mais dinâmica e é necessário prestar atenção nas datas para entender melhor os acontecimentos.

Sinopse 

Rachel é uma mulher recém divorciada e com problemas com álcool. Todos os dias ela pega um trem para Londres e fica observando as pessoas que moram perto da linha do trem, tentando imaginar seus nomes, como elas são e gosta principalmente de imaginar como são os moradores da casa número 15, que parecem ter a vida dos sonhos.

Por causa do seu problema com o álcool, Rachel está sempre fazendo besteiras e nem consegue se lembrar de tudo que faz, mas sempre acaba atormentando a vida de seu ex-marido Tom e da atual esposa Anna. Em uma noite de bebedeira ela decide ir pegar o trem e parar perto da casa 15, onde vive o casal que ela sempre observa, mas também é perto da casa de seu ex-marido, porém no dia seguinte ela acorda com sangue na cabeça e sem se lembrar de nada do que aconteceu.

Rachel descobre que nesse mesmo dia em que ela esteve perto da casa número 15, Megan, moradora da casa junto com Scott, está desaparecida. Ela tem uma sensação de que sabe de alguma coisa desse desaparecimento e tenta investigar por conta própria e resgatar as lembranças do que aconteceu naquele dia.

O desfecho desse incrível suspense é surpreendente! “A Garota no Trem” é um livro para ser devorado de tão intrigante e envolvente, sendo um dos livros mais vendidos na lista do New York Times. Eu amo esse estilo de livro e sua narrativa me conquistou por completo, sendo fácil de ler e deixando um gostinho de quero mais no final.

O livro entrou para as telonas do cinema e já pode ser visto online!

0

Livro: Em Algum Lugar Nas Estrelas

Sabe aquele livro que te conquista com a capa e depois te conquista com a história? Bom, o livro Em Algum Lugar Nas Estrelas (Navigating Early) da escritora Clare Vanderpool é exatamente assim, lindo por fora e por dentro e é claro que por ser da editora DarkSide ele vem com muito mais capricho que o normal, por isso é tão lindo assim.

em algum lugar nas estrelas

No primeiro momento que eu vi o livro fiquei completamente apaixonada pela capa, a DarkSide trouxe para o Brasil uma versão com um design incrível, capa dura e textura gostosa, fora os detalhes de dentro como as ilustrações, o inicio de cada capítulo que vem com uma constelação e o tradicional marca páginas em fita.

Quando comecei a ler fui completamente conquistada! Além da história ser muito boa, os capítulos são curtinhos e bem definidos, há também uma segunda história que é contada em paralelo pelo personagem Early e para cada parte dela há um capítulo específico.

Em Algum Lugar Nas Estrelas conta a história de dois garotos que se conhecem dentro do colégio, Jackie é recém chegado e acaba virando amigo de Early, um garoto um tanto estranho e que não era de muitos amigos. Nas férias escolares os dois decidem fazer uma cruzada em busca de um urso que estava sendo procurado por todos, mas muitas coisas acontecem no caminho dos dois e essa cruzada se torna uma aventura com piratas, lenhadores, obstáculos e muita adrenalina para esses dois garotos.

em algum lugar nas estrelas-2 em algum lugar nas estrelas-3 em algum lugar nas estrelas-4

No desenvolver do livro, Early se mostra um matemático incrível com alguns hábitos estranhos, ele consegue enxergar nos números uma história, com texturas e cores. Ele passava os dias trabalhando na teoria do número PI, tentando provar que ele era infinito e quando ele explica sua teoria para Jackie os números passam a ser personagens de uma incrível história.

em algum lugar nas estrelas-5

Uma das coisas mais legais no livro é que existe uma trilha sonora, Early definiu que todas as segundas ele escuta Louis Armstrong, as terças são sem músicas, de quarta é Frank Sinatra, quinta sem música, Sexta Glenn Miller, sábado sem música e domingo Mozart, mas todos os dias que chovem é dia de ouvir Billie Holiday.

A autora deixa uma nota ao final explicando de onde tirou a ideia para escrever a história, ela se inspirou em um garoto autista que conheceu e que tinha um enorme talento para tocar piano e facilidade com os números, desse garoto surgiu o personagem Early Auden e a ideia de escrever essa incrível aventura.

em algum lugar nas estrelas-6

Como eu disse no começo do post, Em Algum Lugar Nas Estrelas é um livro encantador por dentro e por fora e foi uma das leituras mais legais que li nesse estilo. No nosso canal no youtube eu falo um pouquinho mais sobre ele e mostro um pouco de como é por dentro, então espero que vocês gostem do vídeo e deixem seus comentários aqui!

0

Livros para presentear no Dia dos Namorados

Eu não sou uma pessoa muito ligada em datas comemorativas. Gosto de celebrar algumas coisas, como aniversários, tempo junto de uma pessoa, conquistas e coisas assim, mais pessoais. As datas comemorativas do calendário, podemos dizer assim, não me chamam muito a atenção, mas acho que são uma oportunidade bacana para aqueles presentes simbólicos e que não precisam necessariamente custar muito.

O Dia dos Namorados é uma delas e nada mais simbólico, na minha opinião, do que livros. Tem livros pra todos os gostos, estilos e bolsos, então resolvi dar uma passeada pelo site da Amazon e escolhi alguns títulos como sugestão de presente:

1. Novo Kindle

Minha primeira opção não é nem um livro físico em si, mas o Novo Kindle, onde é possível ler uma enorme diversidade de e-books e, hoje em dia, muitas pessoas até preferem. A nova versão do aparelho está disponível nas cores branco e preta, tem design mais fino, tela sensível ao toque que não força a visão e Wi-Fi.

Valor: R$ 219

3. Mitologia Nórdica – Neil Gaiman

Eu sou super fã do Neil Gaiman e, nesse livro, ele traz sua visão sobre toda a história da mitologia nórdica, tema do qual ele é fascinado desde criança até hoje e já teve outra publicação de grande sucesso que explora tomas parecidos, “Deuses Americanos” que, recentemente se tornou uma série que já entrou pra minha lista.. São 15 contos que exploram os mitos da mitologia escandinava e passam pelas relações entre os deuses, anões, gigantes e também Ragnarok, o famoso universo onde acontecerá o apocalíptico fim do mundo. Como sou viciada em histórias épicas e de vikings, logo me chamou atenção esse título.

Valor: R$ 31,40

3. O Que Tem na Geladeira? – Rita Lobo

Da água pro vinho, a próxima indicação é um livro cheio de dicas pra cozinha. “O Que Tem na Geladeira? 30 Legumes e Verduras em Mais de 200 Receitas Para Variar o Cardápio” é mais do que um livro de receitas, nele, Rita Lobo ensina como transformar compras simples, feitas na feira ou supermercado, por exemplo, em refeições saudáveis, variadas e cheias de sabor, mas sem frescuras. O volume é baseado na série do canal Panelinha do YouTube, que eu adoro e me ajuda muito. 

Valor: R$ 44,90

4. Só os Animais Salvam – Ceridwen Dovey 

Amo a DarkSide do fundo do coração, porque a editora capricha em cada detalhe dos livros e com “Só os Animais Salvam” não podia ser diferente. Achei tão lindo, que até comprei pra Anne de presente de aniversário pra completar a coleção dela. O livro traz fábulas modernas narradas pela alma de um animal envolvido nos conflitos e guerras da humanidade no último século e suas histórias de vida e morte. Mostra que os animais, em meio ao caos, conseguem encontrar e inspiração na literatura. Sempre acreditei que os animais nos ajuda a enfrentar a vida de uma forma melhor e esse livro passa isso, de uma maneira única.

Valor: R$ 34,90

dia dos namorados livros amazon

5. Box Biblioteca Hogwarts – J. K. Rowling 

Esse box se tornou meu último desejo literário. Ele foi lançado no finalzinho de maio e traz 3 dos principais e mais conhecidos livros estudados pelos alunos de Hogwarts: “Animais Fantásticos e Onde Habitam” – que traz detalhes das mais diversas espécies de animais conhecidos e desconhecidos do mundo bruxo; “Quadribol Através dos Séculos” – conta toda a história do Quadribol, desde o seu início, principais times, jogadores, as transformações através do tempo e toda a difusão do esporte pelo mundo; “Os Contos de Beedle, O Bardo” – famoso por aparecer em “As Relíquias da Morte”, presente de Dumbledore para Hermione, reúne diversos contos de fada do mundo bruxo, com histórias do passado de Hogwarts e nomes de personagens já conhecidos pelo universo de Harry Potter.

Valor: R$ 56.90

6. Extraordinário – R. J. Palacio 

A versão para o cinema está para estrear e aumentou a busca pelo livro. Ele conta a historia de Auggie, um garotinho que nasceu com uma síndrome que provoca uma forte sequela facial fazendo com que ele precise passar por uma série de cirurgias. Com isso, Auggie nunca havia frequentado a escola até que foi matriculado no 5º ano e se viu na missão de convencer as demais crianças de que, apesar de uma aparência diferente, ele é um como qualquer outro. O livro é cativante e comovente e mostra que pode haver esperança e compaixão no mundo, mostrando o impacto que o menino pode trazer na vida da família, das pessoas próximas e de toda a comunidade. O autor conseguiu mexer com a nossa sensibilidade de uma maneira profunda e linda e até criou uma campanha antibullying, para espalhar sua mensagem. Recomendo a leitura antes de assistir ao filme.

R$ 23,40

7. Tudo e Todas as Coisas – Nicola Yoon 

Ainda num cenário que envolve uma diferença por conta de uma enfermidade, temos “Tudo e Todas as Coisas”, pelo qual eu me apaixonei já pela capa e sinopse. Madeline é uma adolescente de 18 anos que sofre de uma doença popularmente conhecida como “A doença da bolha” e nunca saiu de casa pra nada e mora com a mãe que, por razões obvias, é extremamente superprotetora. Madeline já se habituou com sua vida, mas tudo mudou quando uma nova família se mudou para a casa ao lado e um garoto interessante, chamado Olly, desperta sua atenção e a coisa toda é mútua. Eles começam a se comunicar pela janela, através de mímicas e também por e-mails e a garota apaixonada se vê em uma situação complicada, não sabe se tenta viver essa experiência nova em sua vida, ou esquecer o rapaz, já que não poderá manter um relacionamento convencional com ele. O livro carrega muita sensibilidade e uma linda e diferente mensagem de amor em uma leitura que prende do início ao fim.

Valor: R$ 39

8. Game of Thrones. Um Guia Pop-Up de Westeros – George R.R. Martin

Tenho namorado esse item de colecionador há tempos. Ele é um livro ilustrado com pop-ups dos lugares ícones dos 7 reinos do mundo de Game of Thrones como Winterfell, Porto Real, a Muralha entre outros. Mostrando também alguns objetos e criaturas da maravilhosa e viciante história de George R.R. Martin.

Valor: 81,80

giphy

E aí, gostaram das sugestões? Já leram algum dos livros? Qual vocês, com certeza, dariam de presente para alguém especial?

*Valores consultados em junho de 2017 e válidos para compras através dos hiperlinks presentes em cada título

0

Livro: A Guerra que Salvou Minha Vida

Recentemente li o livro A Guerra que Salvou Minha Vida da autora Kimberly Brubaker Bradley, a primeira coisa que mais me chamou a atenção na hora de comprar foi a versão capa super fofa da editora DarkSide, então dei uma olhada na internet para saber mais  da história do livro e encontrei no canal Serendipity um review que me ajudou a decidir comprar o livro.

a guera que salvou minha vida-7

a guera que salvou minha vida-6

É uma ótima leitura, bem rápida e com uma perspectiva bem diferente da Segunda Guerra Mundial o que deixa a leitura mais leve. Os capítulos são bem curtinhos o que eu achei ótimo, pois fica melhor na hora de interromper a leitura sem ficar no meio do texto, além disso o livro possui algumas imagens bem legais que ilustram um pouco a história contada.

O livro se passa durante a Segunda Guerra Mundial em Londres e conta a história de uma  valente garotinha chamada Ada, mas para ela a verdadeira guerra era com sua mãe que tinha vergonha dela e a mantinha presa em seu apartamento pois ela nasceu com o pé direito torto e mal conseguia andar. Ada passava os dias vendo seu irmão mais novo brincar do lado de fora do apartamento enquanto ela não podia sair nem por um minuto, apenas observava a vida passar pela janela.

Devido a guerra e os possíveis bombardeios a escola da cidade estava evacuando todas as crianças para o interior como uma forma de tentar protege-los, então Ada e seu irmão foram escondidos de sua mãe para o interior. Lá eles foram morar com a senhora Smith que mesmo sem estar muito preparada para cuidar deles, deu tudo o que eles precisavam, médico, comida, roupas e principalmente muito amor, dessa forma, mesmo em meio a uma guerra, Ada e seu irmão foram salvos pelo amor da senhora Smith, assim como ela foi salva pelo amor por essas duas crianças.

a guera que salvou minha vida-2

a guera que salvou minha vida

a guera que salvou minha vida-3

a guera que salvou minha vida-5

É muito bonito ver essa narrativa através do olhar de uma garotinha que além de ver a situação de modo mais simples e leve, ela também estava tendo o primeiro contato com o mundo, pois no início ela viva trancafiada em um apartamento e no decorrer do livro ela descreve um pouco de seus sentimentos ao ver pela primeira vez a grama, o vento e o mar.

“Os prédios sumiram, e de súbito surgiu verde. Verde para todo lado. Um verde vivo, vibrante, esplêndido, subindo pelo ar em direção ao céu azul, azul. Eu olhei fascinada.

-O que é isso?

-Grama, respondeu Jaime.”

a guera que salvou minha vida-4

O livro foi vencedor do Newbery Honor Award, primeiro lugar na lista do New York Times e adotado em diversas escolas nos Estados Unidos.

Quem ficou interessado nessa leitura pode encontrar o livro em qualquer livraria ou comprar aqui. Também falamos um pouco dele no nosso canal, então não deixem de assistir!

 

0

O Livro de Ouro da Mitologia

Quem assim como eu adora histórias mitológicas com deuses, heróis e monstros, irá curtir conhecer “O Livro de Ouro da Mitologia – Histórias de Deuses e Heróis”, de Thomas Bulfinch. O livro possui vários contos mitológicos tanto da cultura grega como de outras culturas, sendo que cada capítulo aborda até uns 4 personagens históricos.

livro de ouro da mitologia-2 livro de ouro da mitologia-3

O livro possui uma leitura gostosa e envolvente, como cada personagem mitológico não tem ligação com outro é possível ler na ordem que quiser, pois os capítulos são independentes. Além da história ser contada de forma curta e objetiva o autor do livro acrescentou alguns poemas famosos que se referem aos personagens citados, sendo que a partir do momento que conhecemos melhor a história também compreendemos melhor os poemas que utilizam da mitologia.

Há dois contos em particular que gosto muito e já até citei eles no post sobre o mangá Cavaleiros do Zodíaco Saga de Hades, que também aborda os mesmos contos, que são o de “Pandora” e o de “Orfeu”. No livro esses dois contos são mostrados de forma mais poética, Pandora é descrita como a primeira mulher que existiu, feita a mão pelos deuses e provida de uma beleza sem igual, responsável por abrir uma caixa que continha várias pragas que caíram sob a humanidade restando apenas no fundo da caixa a esperança.

Já “Orfeu e Eurídice” é um romance trágico em que são separados após o casamento devido a uma fatalidade que leva a vida de sua amada Eurídice, mas o amor de Orfeu era tão forte que ele foi até o submundo com sua lira convencer Hades a devolver sua amada, sua música era tão linda que o deus do submundo deixou ele a levar para superfície, mas com uma condição, que não se voltaria para olhá-la enquanto não tivessem chegado ao outro mundo. Por um descuido Orfeu se voltou para Eurídice antes do tempo e sua amada se foi para sempre.

livro de ouro da mitologia-6 livro de ouro da mitologia-7 livro de ouro da mitologia-9

Também mostra um pouco da mitologia oriental abordando o Hindu, as Castas, Buda e Dalai Lama, os textos são bem resumidos mas explicam o suficiente para conhecermos melhor as histórias orientais. A mitologia nórdica é contada nos últimos capítulos do livro, além de mostrar um pouco sobre os deuses nórdicos como Thor e Loki, ele conta um pouco sobre outros elementos importantes, como Valhala, que é o paraíso onde os grandes guerreiros que morreram em batalha podem se divertir lutando uns com os outros e comendo e bebendo muito.

O livro se encerra com a lenda de Beowulf, um grande guerreiro conhecido por eliminar monstros poderosos como o famoso Grendel que atormentou por 12 anos o rei da Dinamarca. Todas as histórias mitológicas do livro são abordadas de forma bem direta, tornando assim uma leitura rápida e fluida.

livro de ouro da mitologia-10 livro de ouro da mitologia-12

Quem tiver interesse em obter “O Livro de Ouro da Mitologia – Histórias de Deuses e Heróis” pode encontrar em qualquer livraria ou comprar online, o preço está em torno de R$ 30,00. Vou deixar alguns sites confiáveis aqui em baixo para quem quiser conferir.

Onde comprar:

Saraiva

Fnac

Livraria Cultura

 

0

Meta literária: 10 livros pra 2017

O ano tá acabando, então é hora dos posts de metas para 2017!

Eu amo ler e amo comprar livros. Meus estilos preferidos são ficção, terror e suspense, mas me aventuro por uns romances sem preconceitos e meus autores preferidos são Stephen King e Neil Gaiman. Eu costumava ler no metrô ou no ônibus quando ia pra faculdade ou pro trabalho mas, de uns anos pra cá, esse hábito mudou e quando comecei a trabalhar em casa, minha frequência de leitura caiu pra quase 0 e eu pretendo mudar isso no próximo ano.

meta 2017

Sou daquelas que compra mais livros do que vai ler mesmo, seja por causa da capa, por causa do autor, por fazer parte da minha série literária preferida, enfim… tenho muitos livros não lidos em casa e, ao invés de fazer uma wishlist para comprar, resolvi fazer uma listinha com alguns dos livros que tenho em casa como meta para eu ler em 2017, pra ficar como um projetinho pessoal e eu acrescentei 2 títulos que não tenho.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

hpSou velha e fã de Harry Potter assumida, nem ligo! Li a série completa umas 3 vezes e os filmes, já perdi a conta. Ainda não tinha comprado o último livro baseado na obra de J.K. Rowling, mas ganhei recentemente e tô tão louca pra ler que acho que vou começar ainda este ano.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada está disponível em lojas como Saraiva e Livraria Cultura.

Dexter Está Morto

dexterLi todos os livros de Jeff Lindsay do personagem que inspirou a série de TV, que era uma das minhas favoritas até a última temporada e comprei o último logo que saiu, comecei a ler, mas deixei de lado e quero que seja um dos primeiros do ano.

Você encontra Dexter Está Morto na Amazon e Livraria Cultura.

Nosferatu

nosferatuEu adoro o Joe Hill, ele é filho do Stephen King e parece que essa coisa de escrever livros de terror tão bem está no sangue. Se não me engano, comprei Nosferatu na black friday do ano passado, então está parado há um bom tempo na minha estante.

O livro está disponível no Submarino e Saraiva.

O Teorema de Katherine

teoremaÉ um daqueles famosos livros do John Green que ganhei no ano passado, mas ainda não li. Não é o meu estilo de leitura preferido, mas acho gostosinho de ler.

Você consegue encontrar O Teorema de Katherine na Saraiva e Livraria Cultura.

Eu, S.A

euO livro do controverso líder do Kiss aborda os negócios de maneira bem capitalista e empresarial. Li algumas resenhas, mas quero ler pra confirmar as críticas.

Você encontra o livro na Amazon e Saraiva.

 

O Barulho da Minha Cabeça te Incomoda?

meta-stevenPeguei a biografia do Steven Tyler emprestada da minha prima no começo do ano e ela vai me matar quando ver aqui que ainda não li, mas vou deixar na cabeceira da cama pra ir lendo aos poucos, prometo!

A biografia está disponível na Saraiva e no Submarino.

It: A Coisa

it

Eu tenho pavoooor de palhaços e nunca tive coragem de assistir ao filme, mas resolvi tentar ler o livro, que é do Stephen King e originou o filme, mas ai fui adiando, adiando e ficou pra 2017.

Você encontra It: A Coisa no SubmarinoLivraria Cultura.

O Silmarillion

o-silMinha história com esse livro é de várias idas e vindas e eu comecei a ler no primeiro dia de 2016, sem sucesso. Ele é uma coletânea de contos do Tolkien, precedentes do Hobbit e O Senhor dos Anéis. Comecei a confundir um pouco os nomes e os locais e me perdi na história, por isso não terminei.

A obra está disponível na Saraiva e Amazon.

O Livro do Cemitério

o-livro-doNeil Gaiman cria vários mundos de fantasia e nesse livro ele faz isso dentro de um cemitério, onde até os mortos tem personalidades próprias.

Você encontra O Livro do Cemitério na Livraria Cultura e Saraiva.

Donnie Darko

donnieUm dos filmes mais malucos de todos os tempos teve seu roteiro original publicado pela maravilhosa Darkside e eu amo esse filme, mas também estou na lista de pessoas que ainda tem dúvidas, quem sabe lendo o roteiro eu não entendo melhor?

O roteiro está disponível no Submarino e na Saraiva.

Decidi não contar duas séries de livros que estou há séculos pra terminar e nunca consigo. São A Torre Negra, do Stephen King, que já li os 4 primeiros e As Crônicas de Gelo e Fogo, que só li o primeiro, mas nem coloco na meta pra não me frustrar.

10 livros, sendo que 8 (na foto só tem 6, porque não encontrei os outros dois na hora rsrs) eu já tenho em casa não parece uma meta absurda, né? Espero conseguir ler todos!

Vocês já leram algum desses livros? Querem resenha? Comentem aqui embaixo.

 

0

Mangá: Cavaleiros do Zodíaco Saga de Hades

Faça elevar o cosmo do seu coração! Sim, o mangá de hoje é nada mais, nada menos, do que Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya) de Masami Kurumada. Um clássico do anime japonês no mundo todo, por isso, venho mostrar a Saga de Hades, a última a sair do desenho original e que trás o melhor da mitologia grega.

manga-cavaleiros-do-zodiaco-4

Tenho certeza que todos que assistiram Cavaleiros do Zodíaco na infância eram bons em história grega, eu pelo menos era, e foi com esse anime que surgiu minha paixão por mitologia. A Saga de Hades, além de trazer bastante da mitologia, tem batalhas incríveis e grandes revelações. Já no primeiro mangá três dos mais fortes cavaleiros de ouro, Shura de Capricórnio, Camus de Aquário e Saga de Gêmeos, voltam a vida e são controlados pelo deus do submundo, Hades, sendo induzidos a decapitar Athena, que acaba se suicidando para ir ao mundo inferior enfrentá-lo.

Uma das grandes surpresas que temos logo no início é a transformação do mestre ancião em sua forma jovem de 243 anos atrás, conhecido como Dohko de Libra, também descobrimos ao longo da história que o grande vilão Hades é o Shun de Andromeda, na verdade ele encarna no cavaleiro para executar seu terrível plano de deixar a Terra em trevas, o chamado “Grande Eclipse”.

manga-cavaleiros-do-zodiaco

manga-cavaleiros-do-zodiaco-5

manga-cavaleiros-do-zodiaco-6

manga-cavaleiros-do-zodiaco-7

Em meio a tantas batalhas conhecemos alguns personagens importantes na mitologia, como Pandora, da caixa que contem vários sentimentos e não poderia ser aberta. Porem ela acaba abrindo e espalhando esses sentimentos, tanto bons como ruins por toda a Terra, restando apenas dentro da caixa a Esperança que, como diz o ditado, é a última que morre. Outra figura legal que aparece é o barqueiro do inferno que, para atravessar o rio Aqueronte, por onde todas as almas devem passar, precisa-se pagar. Então por isso que nos filmes de época os mortos eram queimados com duas moedas cobrindo os olhos.

O personagem mitológico que mais gosto, e que também aparece no mangá, é Orfeu. Que, após se casar com Eurídice, tem sua amada morta por uma picada de cobra. Com imensa tristeza ele vai até o inferno por ela, com o lindo som de sua lira e convence o deus do submundo a devolver sua esposa, com uma condição: não olhar para ela até que estivesse sob luz do sol. Porém próximo a saída ele se confunde com uma luz e olha para trás, dessa forma ele a perde ela definitivamente e passa o resto de sua vida tocando sua lira para Eurídice ouvir, mesmo sem estarem mais juntos.

manga-cavaleiros-do-zodiaco-8

A Saga de Hades além de ser uma ótima leitura para quem curte o estilo, é uma das melhores sagas de Cavaleiros do Zodíaco, pois envolve os personagens mais queridos, como todos os cavaleiros de ouro, mestre ancião e uma pequena participação de Poseidon e também conta com acontecimentos emocionantes, como nossos cavaleiros principais vestindo armaduras de ouro. A leitura é super dinâmica, sem enrolação igual Dragon Ball, com lutas intensas e bem feitas, são apenas 17 mangás que podem ser encontrados em boas bancas de jornal, em sites ou eventos como Anime Friends e Comic Con.

manga-cavaleiros-do-zodiaco-10

 

0